Home / Notícias / Sorocaba deixa de ser cidade-sede dos Jogos Abertos, informa Fernando Dini
Crédito da foto: Aguinaldo Pereira/Câmara de Sorocaba
Crédito da foto: Aguinaldo Pereira/Câmara de Sorocaba

Sorocaba deixa de ser cidade-sede dos Jogos Abertos, informa Fernando Dini

A falta de infraestrutura para a prática de esportes contribuiu para que Sorocaba deixasse de ser cidade-sede do 84ª Edição dos Jogos Abertos, programado para o próximo mês de outubro. O anúncio foi feito pelo vereador Fernando Dini (MDB), durante a sessão de Câmara desta quinta-feira (9). “Sabemos que foi uma situação mais política quando o Estado trocou por outro local, mas na justificativa, o Governo alegou que Sorocaba está sem estrutura e isso é verdade”, declara Fernando Dini.

Em janeiro deste ano, o secretário de Estado de Esportes, Aildo Rodrigues Ferreira, veio até Sorocaba para confirmar como cidade-sede da 84ª edição dos Jogos Abertos Horácio Baby Barioni. “A perda dos Jogos Abertos, o maior evento esportivo do Estado de São Paulo, é uma desonra para Sorocaba”, avalia Fernando Dini. A competição estadual vai reunir mais de 15 mil atletas para disputar 27 modalidades, incluindo pessoas com deficiência.

A última vez que Sorocaba sediou uma edição dos Jogos Abertos foi há 68 anos, em 1954, quando foi vice-campeã da competição. O Ginásio Municipal de Esportes inclusive foi construído para sediar partidas desta competição. Hoje, o Ginásio de Esportes enfrenta uma série de problemas por falta de manutenção. Os Jogos Abertos foram disputados em Sorocaba em apenas quatro oportunidades: 1938, 1943, 1950 e 1954. Fernando Dini explica que as competições de alto rendimento servem especialmente para que os jovens despontem para os esportes. “Quando nossos jovens vão ter a oportunidade de ver atletas olímpicos na nossa cidade? Uma somatória que inclusive impacta diretamente no desenvolvimento do esporte social”, avalia Fernando Dini.

Fernando Dini lamentou que ao invés de investir, a Secretaria de Esportes da Prefeitura foi buscar cidades vizinhas para propor que sediassem diversas modalidades dos Jogos Abertos deste ano. “Sorocaba sequer tem uma pista de atletismo, usa a de Votorantim”, o vereador cita como exemplo.

Lamentou que os Esportes não sejam prioridade de política pública na atual administração, que reduziu recursos do ano passado para este. Criticou os deputados que deixam de enviar verbas suficientes para incentivar os esportes. E ainda questionou as dificuldades criadas pela Prefeitura para liberar os recursos das emendas dos vereadores para os esportes.

Incentivador das práticas esportivas, desde o ano passado o vereador fiscaliza, denuncia e cobra providências para que Sorocaba tenha condições para sediar este importante campeonato estadual. Por diversas vezes expos o sucateamento dos espaços esportivos, após encontrar problemas e falta de alvarás até mesmo do Estádio Municipal e da Arena Sorocaba, além das péssimas condições outros tradicionais espaços como o Ginásio Municipal de Esportes e vários centros esportivos depredados, com espaços em ruínas e já interditados, como o Centro Esportivo Dr. Pitico, na Vila Angélica.

Veja também

227 denúncias de violação de direitos contra idosos

Esse é o número de denúncias registradas por dia no Brasil de violência contra pessoas ...

Deixe uma resposta