Home / Notícias / Saiba como está a pesquisa da vacina brasileira contra a dengue

Saiba como está a pesquisa da vacina brasileira contra a dengue

A dengue é um dos mais graves problemas de saúde pública no Brasil. Em 2015, foram registrados mais de 1,6 milhão de casos no país e 972 mortes. No ano passado, a doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti atingiu 1,4 milhão de pessoas e provocou 602 óbitos, de acordo com os boletins epidemiológicos publicados pelo Ministério da Saúde.

Entre as estratégias para conter essa ameaça está a vacinação. Um imunizante, inclusive, já está disponível no Brasil desde 2016. Feito pelo laboratório francês Sanofi Pasteur, ele é vendido em clínicas particulares e faz parte de programas piloto de vacinação pública, como no estado do Paraná. O produto requer três aplicações com um intervalo de seis meses entre elas. Nos estudos que serviram de base para a aprovação, foi observada uma proteção de 66% contra os quatro sorotipos da dengue.

Mas a grande promessa do momento é uma vacina desenvolvida pelo Instituto Butantan, em São Paulo, em parceria com os Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos (NIH, na sigla em inglês). Ela está na última fase de estudos e procura atualmente voluntários de várias idades.

Se os resultados forem positivos, a nova versão, que exige uma única aplicação, será submetida à aprovação das agências regulatórias em alguns meses. A expectativa é a de que essa opção tenha inclusive maior eficácia do que a disponível hoje.

Fonte: Saúde/Abril

Veja também

Escolas particulares podem receber alunos a partir desta terça (8)

O retorno gradual das aulas presenciais nas escolas particulares de Sorocaba começa nesta terça-feira (8). ...

Deixe uma resposta