Home / Notícias / Prefeitura diz a vereador que não tem dinheiro para a compra de novo tomógrafo

Prefeitura diz a vereador que não tem dinheiro para a compra de novo tomógrafo

Em resposta ao requerimento do vereador Fernando Dini (PMDB), a prefeitura de Sorocaba afirma que não tem dinheiro suficiente para a aquisição de um tomógrafo computadorizado, que seria utilizado no Gpaci (Grupo de Pesquisa e Assistência ao Câncer Infantil).

De acordo com a resposta da Secretaria de Planejamento e Gestão, a “licitação prevista não prosperou e os valores das emendas impositivas para a aquisição seriam insuficientes para a compra do equipamento”.

“Eles ainda afirmaram que, por questão de responsabilidade fiscal, não poderiam contrair novas despesas nesse fim de mandato, assim como o Gpaci não teria os valores necessários para as obras de adaptações”, diz o parlamentar.

As informações, segundo Dini, contradiz as respostas dadas a um requerimento anterior, encaminhadas ao parlamentar pela Secretaria de Saúde. “No ofício, a prefeitura garantia que o tomógrafo destinado ao Gpaci teve seu processo iniciado nos primeiros meses de 2016. Em julho, o processo licitatório foi aberto e a informação era de que o hospital já possuía orçamento para as adequações do local. Lamentável a nova posição e situação que nos foi passada.”

O vereador fará novo questionamento à prefeitura para saber o que houve nesse meio tempo para que todo o planejamento da aquisição do tomógrafo fosse prejudicado.

“Governar é priorizar. A verba estava destinada para a compra, através das emendas impositivas do Legislativo. É um dano para a saúde pública e um desserviço ao povo sorocabano. Com certeza sentiremos o impacto da não aquisição desse equipamento”, finaliza.

Veja também

Escolas particulares podem receber alunos a partir desta terça (8)

O retorno gradual das aulas presenciais nas escolas particulares de Sorocaba começa nesta terça-feira (8). ...

Deixe uma resposta