Home / Notícias / Fernando Dini usa a tribuna para condenar qualquer retrocesso em relação à segurança pública

Fernando Dini usa a tribuna para condenar qualquer retrocesso em relação à segurança pública

O vereador Fernando Dini, presidente da Câmara Municipal, usou a tribuna durante a sessão ordinária desta terça-feira, 7, para falar sobre o adicional noturno dos guardas civis municipais, que, segundo relatou em plenário, corria o risco de ser extinto. “Felizmente, o corte do adicional noturno não irá mais ocorrer, pois seria um retrocesso inadmissível na área da segurança pública em nossa cidade, levando em conta o trabalho fundamental que os guardas civis municipais exercem”, afirmou, dizendo acreditar que o prefeito não sabia dessa tentativa de se extinguir o adicional.

De acordo com Dini, desde a semana passada havia uma vertente da Secretaria de Recursos Humanos defendendo o corte do adicional noturno, mas a proposta encontrou resistência do comandante da Guarda Civil Municipal, Marcos Mariano, e do secretário de Segurança e Defesa Civil, coronel Antônio Valdir, que atuaram para que o corte não se efetivasse. “Quero parabenizar o comandante da Guarda Civil Municipal e o secretário de Segurança e Defesa Civil por intercederem para evitar o corte do adicional”, disse o vereador.

Fernando Dini enfatizou que os guardas civis municipais realizam um trabalho de extrema relevância para a segurança pública em Sorocaba e observou que o adicional noturno é justamente uma compensação pelo desgaste desses profissionais ao terem que trabalhar no período noturno. “Tirar o adicional de quem está trabalhando num período penoso como o noturno, trazendo resultados na segurança pública, não deveria nem ser motivo de discussão”, afirma Dini, observando que o valor do adicional gira em torno de 700 reais e pode representar o aluguel de um guarda.

O presidente da Casa enfatizou, ainda, o empenho da corporação em desenvolver bem o seu trabalho a despeito das dificuldades que enfrentam. “Todos os dias vemos estampado na imprensa o excelente trabalho desenvolvido pela Guarda Civil Municipal, que sequer tem veículos adequados, sem contar que os guardas chegam a fazer vaquinha para custear o próprio uniforme”, afirmou, defendendo a compra de equipamentos para a Guarda Civil Municipal.

O vereador defendeu, ainda, a realização de concurso de ingresso na corporação e também de acesso, que, segundo ele, não são realizados há 14 anos. “Os guardas civis municipais já têm dado grande resultado para a cidade trabalhando nas condições de hoje. Imaginem se dermos a eles condições de trabalho dignas”, afirmou Fernando Dini, enfatizando que o Legislativo está “em consonância com aqueles que, através do seu trabalho, trazem benefícios diários para a cidade, como os guardas civis municipais”.

Check Also

Presidente da Câmara participa do Concilia Sorocaba 2019 e homenageia a presidente do TRT

A presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região (TRT-15), desembargadora Gisele Rodrigues Magalhães ...

Deixe uma resposta