Home / Notícias / Fernando Dini faz balanço semanal sobre ações do Legislativo no combate ao coronavírus

Fernando Dini faz balanço semanal sobre ações do Legislativo no combate ao coronavírus

O presidente da Câmara Municipal concedeu entrevista aos veículos de comunicação da Casa, quando enumerou iniciativas

O presidente da Câmara Municipal, vereador Fernando Dini (MDB), concedeu entrevista ao vivo à TV Câmara (também veiculada pela Rádio Câmara) em que destacou as ações do Legislativo sorocabano na prevenção e combate à pandemia de coronavírus no município. “Foi mais uma semana de muitas ações, em que continuamos atuando no combate ao coronavírus e procuramos, diariamente, amenizar o sofrimento daqueles que mais precisam”, afirmou Dini.

“O Legislativo mais uma vez saiu na frente. Já estamos com a obrigatoriedade do uso de máscaras há pelo menos dez dias, o que é muito importante para a proteção não apenas nossa, mas do próximo. Todos nós estamos usando máscara, tiramos só neste instante para realizar esta entrevista, e estamos mantendo todas as medidas de higiene”, explicou Dini. O vereador citou enquete realizada em suas redes sociais, com mais de 1.500 participantes, dos quais 91% concordaram com a obrigatoriedade do uso de máscaras. “Isso mostra a solidariedade do nosso povo e, graças à responsabilidade e à compaixão presente no coração de cada sorocabano, vamos conseguir superar esse momento”, afirmou o presidente da Casa.

Reforçando as recomendações das autoridades médicas, Fernando Dini observou que, com a mudança de estação e a chegada do inverno, as doenças respiratórias tendem a aumentar, o que exige ainda mais cuidados, especialmente para quem sofre de asma, bronquite, entre outras doenças respiratórias. “Qualquer sintoma a gente tende a achar que é Covid-19. Mas temos que ter paciência e calma, não podemos nos estressar e precisamos ter a consciência de que isso vai passar e que é fundamental que cada um de nós faça a sua parte”, enfatizou.

Filas na Caixa – O presidente da Casa também comentou o seu pedido à superintendência regional Caixa Econômica Federal, através de ofício, solicitando providências, em conjunto com a Prefeitura Municipal, para que sejam evitadas aglomerações na porta de suas agências bancárias por parte das pessoas que vão receber auxílio do Governo Federal. “Nós, do poder público, precisamos governar para todos, indistintamente, mas, sem dúvida, precisamos focar nos mais vulneráveis, os que mais precisam. E, infelizmente, estamos vendo na porta das agências da Caixa aglomerações de gestantes, idosos, pessoas com doenças pré-existentes, que estão ali para receber o que têm direito, que é o auxílio emergencial. Nesse momento tão difícil, essas pessoas precisam ser acolhidas com dignidade, sem colocar em risco sua saúde”, afirma.

Fernando Dini está sugerindo à Prefeitura que disponibilize tendas, cadeiras e água potável para as pessoas que estão nas filas, ao mesmo tempo em que fiscalize e garanta o devido distanciamento social, para evitar contaminação. “Esses equipamentos não estão sendo utilizados pelo município, porque não há eventos, então por que não utilizá-los para atender, com dignidade, as pessoas que estão nessas filas da Caixa, para que não sejam infectadas pela Covid-19?”, indagou, observando que a fome não espera e que é compreensível que as pessoas demandem às agências da Caixa em busca do auxílio.

Respondendo a indagações de munícipes, cobrando maior fiscalização do distanciamento social nos bairros distantes do centro, Dini enfatizou que, de fato, é preciso intensificar essa fiscalização, sobretudo para combater os chamados “pancadões” que ocorrem na periferia e geram muitas reclamações das famílias. “Não podemos mais admitir, sobretudo nesse momento, algazarras, drogas, bebidas, que provocam aglomerações e contaminam as pessoas de bem”, ressalta, acrescentando que “uma força-tarefa envolvendo a Guarda Civil Municipal e a Polícia Militar está realizando um trabalho de inteligência para combater os ‘pancadões’, não somente em face do coronavírus, mas em nome do resgate da ordem e do sossego das famílias”.

Flexibilização do comércio – Indagado por munícipes acerca da necessidade de reabrir o comércio, Fernando Dini enfatizou que é grande defensor da flexibilização do comércio, mas de forma gradativa e pontual. “Temos que caminhar para evitar que o enfraquecimento da economia também não se torne letal para as famílias”, afirmou o vereador. Dini também cobrou a disponibilização de mais veículos do transporte coletivo nos horários de pico para evitar as aglomerações que têm ocorrido nos ônibus devido à necessidade de locomoção dos trabalhadores. “O poder público tem que cumprir sua obrigação de proteger a população e precisa colocar mais ônibus nos horários de pico”, enfatizou o vereador, pedindo também à população que “não faça deslocamentos desnecessários, pois a doença é séria e é preciso se precaver e proteger o próximo”.

O presidente do Legislativo também desmentiu uma informação falsa que circulava na cidade dando conta de que a Prefeitura já teria recebido em seus cofres R$ 82 milhões de reais para serem distribuídos à empresários e população. “Algumas pessoas ainda se utilizam de mecanismos estapafúrdios para tirar proveito político. A lei que prevê esses recursos foi aprovada anteontem no Senado Federal, foi para sanção ou veto do presidente, e os recursos ainda não estão disponíveis nem para Sorocaba nem para nenhum município do Brasil”, enfatizou Dini. “Esses recursos podem vir a chegar a Sorocaba, mas ainda não chegaram, trata-se de mais uma informação falsa por parte de pessoas que se aproveitam do sofrimento alheio para tirar proveito político”, afirmou.

O presidente do Legislativo também enfatizou que têm circulado muitas informações falsas sobre o Hospital de Campanha, inclusive quanto a valores monetários. “Mais uma fake news de pessoas que buscam o quanto pior melhor. Há coisas positivas sendo feitas e não podemos nos deixar levar por essas pessoas que querem fomentar o caos para tirar proveito”, enfatizou. Dini destacou que o Hospital de Campanha visa atender os que mais precisam, que não dispõem da rede privada, e disse que o ideal é que nem seja necessário utilizá-lo. Também lembrou que a Santa Casa conta com 30 leitos de enfermaria e 20 de UTI para Covid-19, com 25% de ocupação. “Estamos fazendo nossa lição de casa”, destacou.

Sobre a possibilidade de Sorocaba receber pacientes de Covid-19 da capital, Dini enfatizou que os pacientes não têm culpa e precisam ser atendidos, mas lamentou que o Governo do Estado não tenha se preparado adequadamente para atender os pacientes de coronavírus. Observou, ainda, que se pacientes começarem a ser enviados para tratamento no interior, corre-se o risco de disseminar ainda mais o vírus nas cidades em que o índice de contaminação ainda é pequeno.

Fernando Dini também destacou o esforço da ciência brasileira e mundial no sentido de descobrir vacina e tratamento para a doença. “Descobriram anticorpos do coronavírus em Israel e um grupo da Fiocruz está trabalhando para conseguir uma vacina. Em Sorocaba, já tempos mais pessoas curadas do que contaminadas. Precisamos mostrar esse lado positivo e não alimentar a tragédia”, enfatizou.

“O populismo não pode proliferar mais rápido do que o coronavírus. Antes de ser vereador, sou cidadão e sei o que o cidadão espera de um bom político. O bom político sabe que precisamos da união de todos para proteger o cidadão, através da prática da boa política”, destacou, acrescentando que o Legislativo sorocabano está trabalhando nesse sentido e cobrando da Prefeitura uma melhoria de sua comunicação em relação ao coronavírus, que, no seu entender, ainda está muito falha.

No final da entrevista, Fernando Dini deixou uma mensagem especial para todas as mães, por ocasião do Dia das Mães, e destacou o papel fundamental de sua mãe, Sônia Dini, em sua vida. A entrevista, transmitida ao vivo pela TV Câmara (Canal 31.3; Canal 4 da NET; e Canal 9 da Vivo) e pela Rádio Câmara, ficará disponível no portal e nas redes sociais da Casa.

Assista a entrevista do Vereador Fernando Dini:

 

Veja também

Fernando Dini – Retrospectiva 2020 – algumas ações como vereador e prefeito de Sorocaba

– Garantia da permanência da UPA do Éden – Pedido atendido na UBS Carandá, que ...

Deixe uma resposta